quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Terapia Quântica e Vibracional

Conjunto de procedimentos terapêuticos devidamente metodizados que, atuando de forma ‘física’ (no sentido de não química), impede ou dificulta profilaticamente o desenvolvimento de um terreno biológico favorável à instalação de processos degenerativos.

A Terapia Quântica & Vibracional, é um desdobramento da medicina tradicional quântica e, na nova física, também chamada de física quântica, que busca a Harmonia de forma Holística, através de uma intervenção no campo Energético ou padrão frequencial. O ser humano é visto de forma integral nos seus aspectos físico, mental e emocional, os quais são interligados e interdependentes, funcionando como um sistema onde o desequilíbrio de um dos aspectos afetará todos os outros. A visão sobre o ser humano passa a ocorrer dentro da totalidade e da integralidade, como um Universo dentro de outro mais abrangente: O Universo Cósmico.

Essa nova metodologia aborda conceitos da física moderna e pós-moderna relativos à Teoria dos Campos, Campos Quânticos, Interação Fundamental e Números Quânticos. Os Campos são fenômenos ocilacionais (átomos e partículas) ou vibracionais (moléculas e substâncias) presentes em toda a natureza que quantificam (identificam) todos os elementos e substâncias por eles constituídos.


Podem ser detectados, identificados, medidos e classificados segundo a sua manifestação, frequência e intensidade. Na Terapia Quântica, o foco está no mecanismo de “interação dos campos” entre si ressaltando, sobretudo, o fato de que o mais importante em toda a natureza é fenômeno frequencial.

O tratamento é realizado com essências vibracionais que se definem com um preparo natural, que contêm em sua composição o padrão vibracional com capacidade de entrar em ressonância harmônica do ser.


Ao atuar como um princípio catalisador, ativa processos de expansão e transformação da consciência, despertando a harmonia e equilíbrio energéticos. Pela sua própria natureza, as essências vibracionais não têm impacto direto sobre a bioquímica do corpo, como os alimentos, medicamentos farmacêuticos ou drogas psicoativas. Não são medicamentos e não interferem na ação dos mesmos, pois não possuem princípios ativos. Atuam por ressonância vibratória e têm efeito de reequilíbrio energético de tudo aquilo que está desestabilizado, desarmonioso e vibrando em baixa frequência.


Nenhum comentário:

Postar um comentário