sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Sexto Chakra * Terceiro Olho (Ajna)



O sexto Chakra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como "terceiro olho" na tradição hinduísta, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil. Quando bem desenvolvido, pode indicar um sensitivo de alto grau. Enfraquecido aponta para um certo primitivismo psico-mental ou, no aspecto físico, para tumoração craniana.

Mantra:
OM (alguns estudiosos mencionam o KSHAM)

Localização:
Entre as sombrancelhas. O sexto Chakra está situado um dedo acima da base do nariz, no meio da testa. Abre-se para frente.
Faixa de ação: Dos ouvidos até o alto da testa

Função: Responsável pela percepção

Palavra-chave: Compreensão

Cor:
Índigo, também o amarelo e o violeta. O pensamento racional ou intelectual pode dar origem aqui a uma irradiação amarela. O azul índigo indica intuição e processo de compreensão integrados. A percepção extra sensorial é demonstrada pelo tom violeta.

Símbolo:
Lótus de 96 pétalas

Principio básico:
Autoconhecimento. Percepção consciente do ser.

Função dos sentidos: Todos os sentidos, também a percepção extra-sensorial.

Glândula correspondente:
Hipófise.

Hormônios correspondentes:

Vasopressina (hormônio antidiurético), pituitrina.

Do ponto de vista anatômico:
As partes do corpo associadas a esse Chakra são: os olhos, ouvidos, nariz, cavidades adjacentes, a face, o cérebro o sistema nervoso central.

Tratamento Holístico:
Percepção dos ouvidos, percepção Extra Sensorial, problemas de visão, rinite, sinusite, concentração, raciocínio, desequilíbrios mentais, doenças nervosas, memória, dificuldade de enxergar a realidade das situações.

Aspecto:
É a sede das forças mentais mais elevadas, do discernimento intelectual, da memória e da vontade, e constitui a central de comando mais elevada do sistema nervoso central, no nível físico. É por meio do sexto Chakra que se vê além das realidades físicas e se penetra no reino psíquico para além do entendimento da verdade não física. Ele forma a segunda camada da aura e dá acesso ao padrão do corpo celestial.


Através do terceiro olho estamos ligados ao processo de manifestação por meio da força do pensamento. O processo de criação tem inicio quando o ser repousado em si mesmo começa a ter consciência de sua própria existência. Com isso ocorre o primeiro relacionamento sugeito-objeto, portanto, a primeira dualidade. Com base nessa vibração primitiva, através de processos de tomada de consciência, novos e diferenciados padrões de vibrações são sempre provocados.

No ser humano esta contido todos os processos da criação, desde o ser puro até a matéria condensada, representada pelos diferentes níveis de vibrações dos chakras. Assim o processo de manifestação ocorre em nós e por meio de nós.Uma vez que o terceiro olho é a sede de todos os processos de conscientização, recebemos aqui a faculdade de manifestar, indo até a materialização e desmaterialização. Podemos criar novas realidades no plano físico e destituir antigas realidades.

Vogal:
È ativado pela vogal “I”. Representa a força da inspiração, que sempre o leva a novas compreensões.

Cromoterapia:

O índigo transparente abre e clareia o sexto Chacra.
Fortalece e cura os sentidos, abrindo os níveis mais sutis da percepção.

Contato com a natureza:
Céu noturno

Força positiva:
Reconhecedora



domingo, 12 de novembro de 2017

Bem-vindo ao Site de Fernanda Tomaz


Visitem meu Site em * Somos Todos Um
Site de Autoconhecimento e Espiritualidade

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Tratamento Quântico da Consciência


Nosso sistema é um conjunto de informações Herdadas através do DNA e adquiridas ao longo da vida. Recorremos a este Banco de Dados a cada ação (ou na maioria das vezes - reação) e este método facilita a liberação de informações que nos limitam. Somos resultado dessas informações, o que dificulta a nossa capacidade de fazer escolhas e sair do lugar e que nos fazem repetir histórias.

O tratamento Quântico da Consciência, nos ajuda atingir a liberdade interior e viver a vida de forma consciente. Consciência e Energia estão ligadas diretamente uma à outra, e a transformação dos bloqueios de Energia automaticamente resultará em expansão da consciência.

É um tratamento simples de desfazer a energia bloqueada e fazê-la retornar ao fluxo, através da conexão simultânea de dois pontos sobre o corpo ou campo de energia dos seres humanos, usando intenção e consciência. Este tratamento quebra a estrutura dessas informações, transformando o que não é mais necessário e integrando o novo no nosso Sistema. 


O tratamento Quântico da Consciência, técnica que fortalece sua capacidade de estar presente e consciente no aqui e agora, acessando o ponto zero de possibilidades holográficas, existentes somente no momento presente.

O assistido na verdade tem a possibilidade de curar todas as áreas de sua vida.

Ondas e Percepção do corpo:
O tratamento inicia com o Aconselhamento ao Ponto Zero ou Consciência Pura. Com esta técnica, você aprende a Reorganizar as informações do sistema: corpo, emoções e mente. Quebra a estrutura que está congelada e abre para novas possibilidades.

Orienta, através da percepção, ouvir o corpo, facilitando a cura sem esforço, das tensões / problemas corporais e, ao mesmo tempo, deletando as informações que os causaram. Com isso você aprende a Religar o corpo com sua Matriz. Transforma registros armazenados no corpo.

ISSO ABRE NOVAS POSSIBILIDADES EM NOSSAS VIDAS!

Namastê

Florais de Bach

As Essências Florais são "remédios para a alma"


Elaborados com energias de flores que estimulam a harmonização dos estados de ânimo negativos da personalidade que prejudicam o desenvolvimento mental, emocional, espiritual e que muitas vezes possibilitam o surgimento de doenças. As essências florais são utilizadas no desenvolvimento de potencialidades, na estimulação do processo de crescimento e realização pessoal, na superação de estados tais como: 

medo, traumas, depressão, pânico, 
ansiedade, agressividade, apatia, insônia
sentimento de inferioridade, 
timidez, culpa, angústia, mágoas, impaciência
dificuldade de aprendizagem, preocupação, 
stress, cansaço, físico e mental, entre outros.

Os Florais de Bach são reconhecidos e recomendados pela Organização Mundial de Saúde desde 1976, têm a aprovação pelo Departamento de Saúde do Reino Unido e pela Food and Drug Administration dos EUA.


Abraços Fraternais

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

O que é Terapia Holística?



O Holismo tem origem na palavra grega “holos”, que quer dizer todo, inteiro, completo. O Holismo afirma que um sistema não pode ser explicado ou entendido apenas pela soma de suas partes, pois o sistema como um todo é que determina o funcionamento de seus componentes. O princípio geral do Holismo pode ser resumido por Aristóteles em sua obra “Metafísica”, quando afirma: O todo é maior do que a simples soma de suas partes.

Sendo assim, a Terapia Holística enxerga o ser humano de maneira integral e não somente suas partes isoladas, analisando todo o seu contexto físico, emocional, mental e espiritual, ou seja, os quatro pilares de sustentação do ser humano. Por exemplo, quando uma doença se manifesta no plano físico, ela percorreu primeiramente um caminho que se iniciou no pilar espiritual, seguindo para o mental, depois para o emocional e então, surge no físico. A Terapia Holística investiga esses aspectos para compreender profundamente a origem da doença, das emoções em desequilíbrio, das crenças limitantes ou de qualquer outro fato que atrapalha a pessoa no momento atual.

Portanto, o Terapeuta Holístico é um profissional que tem como objetivo equilibrar o ser humano, estabelecendo sua saúde integral através de técnicas naturais que seguem os princípios do Holismo, visando sempre o tratamento do consultante como um ser integral.

O tratamento Holístico vai detectar a origem do desequilíbrio e tratá-lo, mas sempre esclarecendo o consultante quais as emoções, hábitos ou maneira de enxergar a vida, o levaram à determinada situação. Desta forma, a pessoa torna-se consciente e edifica sua autonomia para lidar com os desafios da própria vida, sem apresentar desequilíbrios emocionais ou doenças.

Várias técnicas, algumas milenares e outras modernas, são utilizadas na Terapia Holística, pois cada pessoa é considerada única e portanto, necessita de um tipo de Terapia que melhor se adéqua ao seu perfil. 


As técnicas que utilizo são o Reiki, a Fitoterapia, a Cristaloterapia, os Florais, a Acupuntura, dentre outras. Essas técnicas podem ser usadas por qualquer pessoa, em todas as idades ou situações de saúde, pois não possuem contra-indicação. Dentre os benefícios já comprovados, estão aumento de Bem Estar geral, alívio de dores, maior clareza mental, diminuição de estresse, depressão e ansiedade, eliminação da insônia e muitos outros.   


Abraços Fraternais

domingo, 5 de novembro de 2017

Depressão * Mente Equilibrada


Dicas Saudáveis Para Afastar a Depressão

Depressão é muito mais do que um episódio de tristeza. É uma condição médica séria, caraterizada por um estado de humor negativo que se prolonga no tempo, acompanhado por outros sintomas, e que pode perturbar o dia a dia de uma pessoa.

Caso sinta os sintomas indicativos de depressão, não hesite em procurar ajuda. E, se tiver um diagnóstico de depressão estabelecido, ou conhece alguém próximo que tenha esse diagnóstico, saiba que algumas mudanças no estilo de vida podem ajudar a ultrapassar essa fase e encontrar motivação.

Com a depressão, muitas vezes as pessoas têm suas vidas desestruturadas. Por isso, é importante estabelecer uma rotina suave, com ações constantes. Experimente ainda incluir novas atividades que possam despertar seu interesse e incrementar seu dia a dia. Dessa forma não perderá o foco.

Pessoas que sofrem de quadros de depressão sentem, muitas vezes, que não conseguem atingir suas metas. Por isso, outra forma de lidar com a depressão é estabelecer objetivos.

Terapia Holística, Terapia Psicanalítica e Exercícios Ajuda
(integrada ao tratamento médico)

A prática de exercício físico regular também ajuda a sentir-se melhor, pois provoca a liberação de hormônios, como a endorfina que provocam esse efeito no organismo. Aliar atividades físicas a uma alimentação saudável ajudará a manter o equilíbrio do seu corpo.

Por fim, tente eliminar os pensamentos negativos, procurando ser mais otimista. Essas atitudes ajudam a deixá-lo mais positivo, enfraquecendo situações que intensificam a depressão.

Amor, Luz e Paz

sábado, 4 de novembro de 2017

Reiki


O método Reiki é um sistema natural de harmonização e reposição energética que mantém ou recupera a saúde. 

Reiki é um sistema próprio para despertar o poder que habita dentro de nós, captando, modificando e potencializando energia. 

Funciona como instrumento de transformação de energias nocivas em benéficas.

Reiki é uma palavra japonesa que identifica o Sistema Usui de Terapia Natural (Usui Reiki Ryoho), nome dado em homenagem ao seu descobridor, Mikao Usui.

Rei: significa universal e refere-se ao aspecto espiritual, à Essência Energética Cósmica que permeia todas as coisas e circunda tudo quanto existe. 
Ki: é a energia vital individual que flui em todos os organismos vivos e os mantém. Quando a energia ki sai de um corpo, ele deixa de ter vida.

A energia Reiki é um processo de encontro dessas duas energias, a Energia Universal e a nossa Energia Física.

Namastê

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

O que é Yin & Yang?




O que é Yin Yang:
Yin Yang é um princípio da filosofia chinesa, onde yin e yang são duas energias opostas. Yin significa escuridão sendo representado pelo lado pintado de preto, e yang é a claridade.

A luz, que é uma energia luminosa e apresenta-se de maneira muito intensa, é o yang, e a luz muito fraca, é o yin. Segundo os chineses, o mundo é composto por forças opostas e achar o equilíbrio entre elas é essencial.

Alguns autores descrevem como a lua e o sol, o homem e a mulher, mas são definições equivocadas. A filosofia chinesa é composta basicamente da Energia, negativa e positiva. As duas esferas dentro do símbolo simbolizam a ideia de que, toda vez que cada uma das forças atinge seu ponto extremo, manifesta-se dentro de si um sentimento oposto.

No mundo das tatuagens, o símbolo do yin yang é dos mais populares, dado que representa o Equilíbrio.

Significado de Yin
Yin é o princípio passivo, feminino, noturno, escuro e frio. Ele fica do lado esquerdo da esfera, na cor preta.

Significado de Yang
Yang é o princípio ativo, masculino, diurno, luminoso e quente. Está representado pelo lado direito da esfera, na cor branca.

“Tudo é duplo; tudo têm pólos; tudo tem o seu oposto;
O igual e o desigual são a mesma coisa;
Os opostos são idênticos em natureza, mas diferentes em grau;
Os extremos se tocam; todas as verdades são meias verdades;
Todos os paradoxos podem ser reconciliados.”

(4a Lei Hermética da Alquimia – Lei da Polaridade)

E ainda....

“O gênero está em tudo;
tudo têm o seu princípio masculino
e o seu princípio feminino;
o gênero se manifesta em todos os planos.”

(7a Lei Hermética da Alquimia – Lei do Gênero)


Fraternais Abraços

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Coach

Ferramentas Coaching
Algumas das principais ferramentas para um processo de Coaching são:

1. Rapport – sintonia e acompanhamento – criação de uma relação de confiança e harmonia, na qual o cliente fica mais aberto e receptivo para trocar informações, ser desafiado e aceitar mudanças.

2. Rapport de Alma
– ouvir na essência

3. Patrocínio Positivo – afirmações poderosas e positivas que conduzem o cliente para um estado mental positivo, com isso cria-se receptividade e proporciona apoio ao cliente. Alguns exemplos: “eu estou com você”; “”eu entendo você”; “estamos juntos neste processo”; “parabéns, você está indo muito bem”.



4. Psicoterapia Positiva – “um novo paradigma para psicologia contemporânea”. A psicologia positiva é um termo amplo que engloba o estudo dos aspectos saudáveis do viver. Ela estuda as emoções positivas: felicidade; prazer; traços positivos do caráter (sabedoria, criatividade, coragem, cidadania, etc.); relacionamentos positivos (amizade, confiança, vínculos afetivos saudáveis) e as instituições positivas (escolas, empresas e comunidades).

5. Perguntas Poderosas – as perguntas poderosas são questões simples e objetivas para obter informações das quais não conseguimos obter de outra maneira. Elas têm um grande poder de avaliar com clareza a formulação de objetivos. Ajuda o cliente a refletir e a clarear suas ideias.

Há perguntas dos seguintes tipos:

· Situacional para descobrir a verdade. O que está claro para o cliente e o que não está?

· de Pesquisa – objetiva descobrir o que o outro deseja. Qual o objetivo e qual a motivação (causa) dele?

· de Ação: conduz o cliente ao planejamento da ação.

· para Reflexão: são as que estimulam o outro a pensar numa nova perspectiva.

. de Emoção: como a situação/sintoma/causa/desejo está relacionado com seu estado emocional.

· Retórica: transformar uma observação em pergunta. Ela serve para evidenciar uma

· situação/resposta/ideia/bloqueio. O Coach pode fazer perguntas abertas e perguntas fechadas. Nas perguntas abertas o Coachee pode ampliar suas possibilidades de resposta e o Coach pode obter informações mais amplas.Com perguntas fechadas o Coach obtém respostas específicas com menor objetividade.

6. Perdas e Ganhos – para avaliar fatores motivacionais, sabotadores, ganhos e perdas. “O que você vai ganhar com isto?” – “o que você vai perder com isto?” “o que você vai ganhar se não tiver isto?” – “o que você vai perder se não tiver isto?”

7. Smart – uma ferramenta inventada por Peter Drucker, que ajuda na hora da definição de metas, sejam elas pessoais ou profissionais. SMART é um acrônimo com as iniciais das palavras Specific, Messurable, Achievable, Realistic e Time-based. Ou seja, qualquer meta deve ser SMART.

Specific, uma meta precisa ser específica, algo que seja facilmente entendida por outra pessoa. Por exemplo, o que significa quando você diz que quer ser mais saudável? Quer dizer que você não vai mais comer gorduras ou açúcar? Quer dizer que você que começar a fazer exercícios? Quais exercícios? Quer ser mais saudável não é uma meta específica. Ao contrário de você dizer, “quero correr a Nike 10K”. Aqui você especificou exatamente onde chegar. Mas como saber que você alcançou o seu objetivo ou que você está fazendo progresso? Aqui entra o M do SMART.

O M é como você irá medir se o objetivo foi ou não alcançado. Isso é muito importante (principalmente se você for avaliar de maneira objetiva o desempenho de outra pessoa). Cuide bem do M e cuidado para não se enganar, “manipulando os resultados”, isso não vai lhe ajudar em nada.

Mas será que o objetivo pode ser alcançado? Não adianta nada definir um objetivo lindo, como “conseguir a paz mundial”, se isso não pode ser alcançado com seus recursos e habilidades. Avalie se o objetivo pode ser alcançado. É aqui que avaliamos se o objetivo é A, ou Achieavable.

“A” está perto do “R” no SMART não é por acaso. O objetivo precisa ser realístico e ser relevante ao contexto que você está relacionando o objetivo. Você precisa acreditar que tal objetivo possa ser alcançado. Ele precisa ser importante para você se sentir motivado em trabalhar por ele.

Assim chegamos ao T, ou seja, o objetivo precisa ter um prazo para ser alcançado. Eu gostaria muito de correr a Nike 10K, mas não sei quando. Se isso passar a ser um objetivo para mim, preciso colocar em qual ano quero correr essa corrida. Além do mais, posso definir pontos de verificação, como por exemplo, daqui dois meses quero conseguir correr 10km sem morrer, daqui 4 meses quero fazer 10km em 12min, e assim por diante.

Definição de metas é muito difícil, mas muito compensador. Para isso, precisa de planejamento para evitar frustrações ou se sobrecarregar com muitas metas.

8. Feedback Burger - é uma técnica fundamental e altamente eficiente para líderes e Coaches.

a) Elogie/descreva o comportamento – “eu entendo que você agiu assim, foi o melhor que você pode fazer naquele momento”.

b) Insira a sugestão/faça o feedback- “eu entendo que você agiu assim, foi o melhor que você pode fazer naquele momento”. “Mas, será que se você tomasse atitude X o resultado não seria mais positivo?”.

c) Elogie novamente – “tenho certeza que você fez o melhor que pode e que pode fazer diferente da próxima vez”.

9. Escala – indicador de performance/mensuração de resultados – “de 0 a 10 o quanto você pode melhorar no comportamento X para alcançar seus objetivos?”

10. Técnica de Relaxamento – pode ser utilizada quando o Coachee não tem controle emocional nas relações, no trabalho ou em casa; quando ele vive momento de tensão em sua vida; quando necessita de mais tranquilidade para executar tarefas; quando precisa manter o foco em alguma atividade específica.

11. Técnica de Recapitulação – o objetivo desta técnica é criar uma comunicação eficiente; gerar receptividade e dar feedback. Ela consiste em repetir de forma igual ou similar as afirmações do Coachee.Reframe – técnica de reenquadramento – é uma forma de levar o cliente a perceber uma determinada situação de um ponto de vista diferente.

12. Orientação para Resultados - Plano de Ação 5W2H –planejamento de resultados com 5 “W e 2 H – What: o que será feito; Who: quem o fará: When: quando será feito; Where: onde será feito; Why: por que será feito; How: como será feito; How much: quanto custará.

13. Âncora – criação de um estímulo para disparar estados emocionais positivos

14. Identificando Valores, Crenças e Sonhos e Missão de Vida – o que realmente é importante; o que realmente te motiva; o que é importante; quais são seus valores; quais são suas crenças e sonhos; qual é sua missão de vida.

15. Identificando Fases da Vida – para identificar o momento de vida do Coachee para trabalhar com ele adequadamente.

16. Perfil de Personalidade – questões para identificar o funcionamento do Coachee.

17. Formatando os Objetivos – formulário com questões que levam a formatar metas e objetivos.

18. Múltiplas Inteligências – para detectar a porcentagem dos diversos tipos de inteligência: linguística; lógica-matemática; espacial/física e cinestésica; musical; interpessoal; intrapessoal; naturalista; subceptiva.

19. Tríade do Tempo – para mostrar a forma como o Coachee utiliza suas horas.

20. Feedback 360º Externo e Projetivo – questões a respeito das pessoas que o Coachee conhece, lembrando como as pessoas o veem.

21. Roda da Vida – avaliação de satisfação na vida em todas as áreas

22. Roda da Abundância – Declarar/solicitar/arriscar e agradecer

23. Roda da Inteligência Emocional – autogerenciamento; motivação; conhecimento do outro; gerenciamento do outro; autoconhecimento.

24. Matriz de Estado Desejado – satisfação atual; ação de desenvolvimento; objetivo ou meta em diversas áreas tais como: ambiente físico; saúde; carreira; desenvolvimento pessoal; relacionamentos; espiritualidade; recursos financeiros; vida social; equilíbrio emocional; realização e propósito; família e relacionamento amoroso.

25. Roda das Competências - mensurando habilidades profissionais

26. Roda de Atuação e Competência dos Coaches – motivação; planejamento; transformação; visão sistêmica; ética e caráter. Não julgamento; foco no futuro; ação; comunicação.

27. Avaliação de Preferência Cerebral – questões para avaliar perfil comportamental.

28. Feed Forward ( sugestões)

29. Processo de Solução de Problemas


"Mude o modo que você 
olha para as coisas, 
e as coisas que 
você olha mudarão."
Wayne Dyer


Princípios e Pilares do Coaching



O Princípios básicos do Coaching:
1. Suspender todo tipo de julgamento
2. O processo de Coaching acontece no tempo presente com foco no futuro
3. Ação/tarefas (ações específicas que aceleram o resultado)

Pilares do Coaching:
1. Ser humano (humanidade)
2. Seguir os fundamentos – método
3. Técnicas, ferramentas e modelos
4. Competências

As três necessidades básicas do ser humano:
1. Ser ouvido na essência
2. Ser notado, reconhecido e amado
3. Ter o direito de errar (perdoar a si mesmo e aos outros)


(fonte: IBC - Instituto Brasileiro de Coaching)

Fraternos Abraços

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Reiki

Harmonização e Cura pelas Mãos

"A Capacidade do Homem 
de conhecer-se sozinho, 
torna-o um homem." 
Carl Gustav Jung



O Reiki é um método alternativo de cura natural, que visa ajudar totalmente o indivíduo a se Equilibrar. 

Traz Equilíbrio Físico, Mental,
Emocional e Espiritual.

O Reiki é a Arte Tibetana de cura pela imposição das mãos. É uma técnica que ativa o fluxo de energia universal nos seres humanos, restabelecendo nas pessoas o poder de auto - cura, cura de outros e cura à distância. 

Foi redescoberto no final do século XIX pelo Dr. Mikao Usui, um ministro cristão que decidiu pesquisar as curas efetuadas por Jesus, Buda e outras citadas na Bíblia e na História. 

Harmoniza e cura os diversos níveis de um ser, atingindo o seu físico, emocional, mental e espiritual, provocando profundas transformações, trazendo conforto e contato com a nossa mais pura essência e com o cosmos, resgatando o amor universal. 

Ajuda na cura de muitas doenças, desde uma simples dor de cabeça , stress, ansiedade, síndrome do pânico, entre outros, sem qualquer contra indicação. 

Ajudará você a entender, aceitar e transmutar as "ilógicas" da vida e criar o "amanhã", o futuro mais luminoso, harmonioso pacífico, prático e abundante, utilizando as Energias já existentes ao nosso redor, mas não percebidas por nós e muito menos utilizadas. 

O praticante de Reiki simplesmente coloca as mãos e a Energia flui na intensidade, qualidade e na direção determinada pelas necessidades do corpo.

Amor, Luz e Paz

sábado, 21 de outubro de 2017

Terapia Quântica

A Terapia Quântica envolve um modelo completo de tratamento, onde os aspectos Energéticos, Emocionais, Mentais e Espirituais são trabalhados em conjunto, restabelecendo a Qualidade de Vida. 

Usa a Energia para alterar a matéria e conseguir resultados visíveis na matéria. Ela vem na sequência do Reiki, da Cura Prânica, do Chi, Prâna, etc., e dos conhecimentos e informações da Física Quântica. 

Como tudo é Energia, facilmente se consegue compreender que basta alterar essa Energia para se verem resultados no físico. 

No tratamento Quântico, o Facilitador usa técnicas para elevar a sua Energia a níveis muito superiores ao do Reiki e de todas as outras abordagens energéticas e dessa forma consegue fazer alterações Energéticas no corpo dos seus clientes, conseguindo assim que as curas ocorram numa fração do tempo que ocorreriam nas abordagens tradicionais. 

Qualquer problema de saúde é antes de mais uma alteração Energética. 

Área de atuação: ansiedade, angústia, tristeza, ciúmes, estresse, fobias, tiques nervosos, timidez, explosão de raiva, ranger dos dentes noturnos, dores de origem desconhecida, medo de falar em público, medo de dirigir, medo de lugares escuros, medo de lugares fechados, pânico etc...



Fraternos Abraços


Tratamento Energético


Somos um Espírito, um fragmento de Alma, ocupando um corpo físico. Somos feitos de pura Energia, que vibra, gerando informações e recebendo informações o tempo todo. Recebemos informação do Universo (pessoas, locais, etc) e processamos tais informações, "pegando-as para nós", ou as transmutando ou ambos.

As informações que chegam até nós, assim o fazem através de ondas de energia, que acessamos de acordo com a frequêcia a que estamos vibrando. Isto quer dizer que nós nos colocamos receptivos a um dado conjunto de informações, dando a nossa permissão para que tais informações e Seres nos acessarem (chegarem até nós) quando optamos por ajustar o nosso "rádio interno" à mesma frequência que a deles. O que nós estamos fazendo naquele momento é acessar um plano de existência, um conjunto de informações, de experiências para serem vividas, e assim passamos a interagir com este plano e com tudo e todos que estão nele naquele momento. Da mesma forma, também é nossa escolha mudar a nossa frequência para acessar um conjunto diferente de energias e Seres.

Quando, ao interagir com um dado plano de existência, guardamos em nossos corpos informações (em forma de energia) relacionadas às experiências que tivemos ali, estas informações passam a fazer parte de quem nós somos, integrando-se aos nossos Chackras, Corpos e Personalidade. Estas informações de quem nós somos, que nos compõem, ficam sendo irradiadas de nossos corpos para o Universo e nos rodeiam, em forma de energia. 


Nós passamos a emitir uma vibração, uma onda de informação sobre nós, para fora do nosso corpo físico, para o Universo. Parte desta informação em forma de energia nos circula, e uma outra parte viaja através das dimensões, mesclando-se ao Universo, fazendo atrair pessoas e situações que estão na mesma frequência que nós ou repelir as que não estão. A estas informações que viajam através das dimensões chamamos formas pensamento. Às informações que permanecem conosco, nos circundando, chamamos de aura, chi, ou campo energético.

Estas informações que ficam armazenadas em nossos corpos sutis nem sempre podem vir de experiências que tivemos nesta vida ou em vidas passadas. Ao encarnarmos em uma família, nós aceitamos fazer parte de um campo energético compartilhado de ancestralidade e passamos a carregar as informações que existem neste campo.

 Uma pessoa pode carregar uma dada informação em seu campo energético e não se dar conta disto, até que uma situação ocorra em sua vida em que ela atente para este padrão energético. Neste momento, ela poderá fazer uma escolha: continuar carregando aquela informação ou "sobrescrever" aquela informação por outra que seja melhor para ela. É assim que liberamos padrões de comportamento e energias densas de nossas vidas, e passamos a vibrar em uma frequência diferente.

O nosso campo energético é como um "eco" do que nós somos naquele momento. Ele contém todas as energias que estamos carregando naquele instante de tempo e é mutável: à medida que nós mudamos, através de nossas escolhas e aprendizados, o nosso campo também muda.

Cada um de nós possui um campo energético pessoal e um campo energético para cada relação que estabeleceu com outra pessoa e/ou grupo de pessoas. Da mesma forma que no nosso campo pessoal, ao se estabelecer uma ligação energética com outra pessoa, cria-se um campo energético compartilhado entre ambas, que é alimentado por ambas as pessoas. 

Este campo compartilhado é como um baú de informações que as duas pessoas guardam umas das outras em relação a como sentem-se em relação à outra pessoa e das experiências que tiveram juntas. Como os campos energéticos são atemporais (existem independente do tempo), não importa há quanto tempo o campo foi criado, uma vez que ambas as pessoas se encontrem novamente irão acessar as informações de seu campo em conjunto. Se armazenaram ali informações boas, irão se sentir bem na companhia da outra. 

Caso contrário, irão acessar informações não harmoniosas em relação à outra pessoa, tendo então a oportunidade de transmutar, perdoar e liberar tais informações outrora armazenadas, adquirindo então uma nova chance de começarem uma relação de Harmonia.

Fraternos Abraços

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Aromaterapia



A importância da Aromaterapia

Aproximadamente há 5000 a.C, encontra-se registro das evidências do uso das plantas medicinais com o propósito de curar, amenizar doenças e aromatizador.

No antigo Egito, conforme relatos da história, o Faraó usava substâncias aromáticas (perfume) para a guerra, para o amor, para a meditação e assim por diante. Os sacerdotes utilizavam as substâncias aromatizadas para fazer perfumes e medicamentos. Os egípcios usavam óleos e bálsamos nas técnicas de embalsamamento. Acreditavam que os corpos duravam por muito mais tempo.

Por volta de 460 a.C, Hipócrates é considerado o “pai da medicina” por acreditar que as doenças tinham cunho natural, como fatores ligados ao corpo e a mente e não por castigo dos deuses. Ele revolucionou a medicina com as suas descobertas.

Por volta dos séculos XVIII e XIX, as ervas e os óleos essenciais eram muito usados na medicina tradicional. Usavam as ervas aromáticas para inalar agindo como propriedades antissépticas. Já no final do século XIX, as ervas aromáticas eram produzidas sinteticamente.

Mais tarde, muitos pesquisadores, psicólogos, médicos se interessaram pelo estudo das ervas medicinais e seus efeitos.

Por volta de 1950, o médico francês, Dr. Jean Valnet, começou a usar os óleos essenciais como agentes de cura em infecções experimentando em soldados feridos. Em 1964, ele publicou o livro “Aromatherapy”.

Nessa mesma ocasião, Marguerite Maury, bioquímica austríaca observou o uso dos óleos essenciais na absorção da pele introduzindo e desenvolvendo técnicas para massagem em todo o corpo. Surgia a aromaterapia, difundida e utilizada em todo o mundo.
O que é Aromaterapia

Atualmente, a Aromaterapia é vista como uma atividade terapêutica, realizada por profissionais na área da saúde que usam óleos essenciais para ajudar e proporcionar qualidade de vida e saúde para as pessoas.

A aromaterapia é uma medicina complementar agindo de forma a complementar a manutenção da saúde de cada indivíduo. Ela não faz diagnóstico; cuida de certos sintomas. Somente um profissional especializado pode realizar qualquer diagnóstico. Doenças sérias precisam de acompanhamento médico especializado.

A Aromaterapia atua juntamente com os Florais de Bach, a Fitoterapia, a Acupuntura, a Homeopatia entre outras.

A Terapeuta Holística atua com Aromaterapia. Deve atuar seguindo todos os preceitos da sua atividade, exercendo-a de acordo com os procedimentos legais, executando suas atividades de forma a respeitar o seu trabalho.

É muito importante saber a origem dos óleos essenciais para que se possa obter o resultado esperado do tratamento.

Benefícios da Aromaterapia

Os óleos Essenciais auxilia no tratamento do estresse, é utilizada como calmante e estimulante, revigorante, relaxante, possui ação anti-inflamatória, antibactericida, germicida, depurativa, adstringente, regeneradora, Harmoniza os níveis Físico, Mental, Emocional e Espiritual.

Alguns óleos essenciais: Lavanda, Camomila Romana, Camomila Alemã, Bergamota, Gerânio, Myrrha, Rosa, Laranja, Petit Grain, Limão, entre outros muitos.

domingo, 15 de outubro de 2017

Tratamento com Pedras e Cristais

CRISTALOTERAPIA

Resgate o seu Equilíbrio e Vitalidade de uma forma completamente natural com a Energia e os poderes dos Cristais.

Cada Pedra e Cristal têm propriedades Energéticas diferentes que atuam no nosso corpo físico, mental, emocional e espiritual.

O ritmo acelerado que vivemos, as preocupações, situações difíceis que vivenciamos, a alimentação inadequada, os medos, são alguns dos fatores que vão criando bloqueios energéticos em nosso corpo. Esses bloqueios quando não são tratados, geram dores e doenças, e vão gerando problemas e limitações em outras áreas de nossas vidas.

Os Cristais atuam para liberar esses bloqueios 
e restaurar o fluxo natural de Energia em nós.

Stress, esgotamento, insônia, dores de cabeça, fadiga, o emocional abalado, dificuldades para acordar, falta de disposição, apatia, falta de foco e concentração, ansiedade, depressão, são alguns dos indícios de energia estagnada no corpo que precisam ser tratados.

O Tratamento Energético com Cristais te permite receber a Força Vibracional dos Cristais independente da sua localização.

Os Benefícios Energéticos dos Cristais continuam atuando por um longo período e pode ser feito em pessoas de todas as idades.

Agende sua sessão e receba essa 
Bênção de Energias dos Cristais!

Amor, Luz e Paz

Mantra para remover obstáculos



OM GAM GANAPATAYE NAMAHA SHARANAN GANESHA

Este mantra é um dos mais conhecidos no hinduismo e fácil de pronunciar. É uma invocação a Ganapati (outro nome de Ganesha) e serve para remover os Obstáculos, tanto materiais como espirituais.

OM: é a invocação primordial, estabelecendo contato entre o praticante e a divindade.

GAM: é um verbo sânscrito, que significa ir, mover-se, afastar-se, vir, aproximar-se, unir-se; No Ganesha Maha Mantra significa a sílaba sagrada que representa o próprio Senhor Ganesha.

GANAPATI: é um dos nomes que Ganesha recebe. A palavra pode ser dividida em duas: GANA+PATI e assim, GANA significa TROPA e PATI significa SENHOR.

NAMAS: é adoração. No mantra aparece como NAMAH.


Namastê / Namaskar

sábado, 14 de outubro de 2017

Holismo

O pensamento Holístico é baseado na ideia de que devemos compreender o todo, o inteiro, o completo. Ou seja, o Holismo basicamente entende que o todo é maior que a soma de suas partes.

Esse conceito traz a compreensão de que a mera disposição ou ordenação das partes não compõe o todo, e sim a inter-relação dessas partes contextualizadas no todo.

O Holismo é oposto ao pensamento reducionista-mecanicista (ou ao materialismo), e vem se mostrando mais adequado para compreendermos os desafios do século 21.

Segundo a Wikipédia, encontramos em Augusto Comte (1798-1857)o primeiro filósofo que trouxe o Holismo para a ciência, ao instituir a importância do espírito de conjunto (ou de síntese) sobre o espírito de detalhes (ou de análise) para uma compreensão adequada da Ciência em si e de seu valor para o conjunto da Existência Humana.

Não só o meio ambiente, também como a política, a economia, e todos os aspectos da vida moderna, terão de se ajustar aos padrões de sustentabilidade.

Por isso, dentro do conceito de Holismo, juntamente com a experiência profissional que criei; o gráfico acima descrever esquematicamente, como o desenvolvimento do Ser Humano em sua plenitude, passa pela complementaridade Corpo-Mente-Espírito.

Amor, Luz e Paz

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Os 10 mandamentos da Medicina Tradicional Chinesa


Viver de forma saudável tornou-se um objetivo cada vez mais possível de ser conquistado. É crescente o interesse da sociedade na busca pela melhor qualidade de vida. Muitos já se preocupam com a saúde de uma forma preventiva e têm como grande aliada a milenar sabedoria oriental.

Desde a antiguidade, os povos orientais, principalmente da China, já faziam uso de ervas, massagem e acupuntura com fins terapêuticos.

Durante milhares de anos foram sendo desenvolvidas essas e outras práticas interpretadas e empregadas segundo a filosofia, a cultura e os dogmas religiosos de cada época.

Surgiram importantes conceitos como o de YIN e YANG (forças opostas e complementares que regem o universo) e a teoria dos 5 Elementos/Movimentos da natureza (madeira, fogo, terra, metal e água).

Esses princípios formam os pilares da Medicina Tradicional Chinesa (MTC) cuja visão de saúde baseia-se no estado de harmonia entre o YIN e o YANG que gera a energia vital (Chi ou Qi) e os 5 Elementos/Movimentos.Tanto a falta quanto o excesso de uma dessas forças/elementos causa desequilíbrios energéticos e origina as doenças.

Os “10 Mandamentos” visam proporcionar ensinamentos de como conservar a saúde, o bem estar e a harmonia através do comportamento e estilo de vida:

1- RESPEITAR A NATUREZA

Todos os seres vivem entre o céu (YANG) e a terra (YIN).A energia YIN e YANG de todas as coisas, inclusive do Homem,comunicam-se com a energia YIN e YANG do Universo. Os chineses antigos sempre observaram a ligação entre o homem e o meio ao seu redor e que toda mudança que ocorria na natureza repercutia nele.

Os antigos se reconheciam como parte integrante de um sistema cosmológico sagrado com o mundo e não como uma entidade separada da natureza.Sabia-se que quando a terra era próspera, eles progrediam; mas quando o equilíbrio era destruído,eles sofriam. Procuravam portanto favorecer e respeitar a natureza, e nunca prejudicá-la.

O chinês antigo já sabia e enxergava o ser humano como um microcosmo reflexo do macrocosmo (Universo). E diante dessa imutável condição que possui, deve desenvolver, especialmente a partir desse milênio, uma consciência mais alerta e atuante para preservar a natureza, pois cada um de nós faz parte da natureza. Aliás,cada um de nós é a natureza.

2- EQUILIBRAR A ALIMENTAÇÃO E O CONSUMO DE LÍQUIDOS

A alimentação é uma necessidade básica e envolve diversos aspectos (sócio-econômicos, culturais, nutricionais entre outros) tornado-o um assunto dos mais complexos a ser explorado.

Na MTC, alimentação não só é uma causa patológica importante como também significativo contribuidor para a saúde e mantenedor da energia e da vida. Todos os aspectos quantitativos, qualitativos e energéticos dos alimentos são considerados assim como as condições dessa alimentação.

Cada fator deve ser analisado: a escassez ou excesso, os diversos tipos de dietas, o número de refeições e seus horários, a procedência e a composição dos alimentos (inclusive a presença de conservantes, hormônio ou manipulação genética), o estado emocional em que a refeição é feita... a lista é infindável. Podemos dizer que somos o que comemos, o que deixamos de comer e como comemos.

Um dos primeiros passos para ser saudável é mudar a forma de relação com o alimento, conhecendo sua origem, como foi produzido, reconhecendo nossas reais necessidades para deixar de consumi-lo de maneira mecanizada e inconsciente. Pequenas dicas e orientações podem auxiliar nesse processo como acontece, por exemplo, na acupuntura, na classificação dos Biotipos Constitucionais (TAI YANG ou AR, SHAO YANG ou FOGO, TAI YIN ou TERRA e SHAO YIN ou ÁGUA).

Cada um possui particularidades peculiares no seu perfil psicológico, na sua constituição física, predisposição a desequilíbrios energéticos assim como na compatibilidade alimentar. Ou seja,uma vez classificado o biotipo da pessoa, é possível ter acesso a uma valiosa gama de dados que direcionam não só a terapêutica mais adequada como também nos ensina sobre comportamento e as escolhas mais benéficas de alimentos.

O auto-conhecimento e as informações que obtemos são ferramentas preciosas para a consciência alimentar e ajudam a realizar as mudanças necessárias e realmente empregá-las no cotidiano da melhor forma possível.

3- VIVER EM EQUILÍBRIO E HARMONIA

Os antigos permaneciam saudáveis pois seguiam o princípio do YIN e YANG e assim viviam em harmonia com a natureza. Moderavam-se no beber e no comer, suas atividades eram regulares, não cometiam excessos, gozavam de saúde física e mental e viviam até idade avançada. Nos dias atuais, porém,as pessoas não se comportam mais assim... Com os avanços tecnológicos e científicos houve uma enorme melhoria nas condições de vida, é inegável. Por outro lado, mudamos nossos hábitos, atitudes, horários, a forma de pensar e de agir. Na maior parte do tempo negligenciamos a manutenção da saúde por não entender as verdadeiras necessidades ou, por causa das imposições da vida, fazer o que não queremos e deixar de fazer o que gostaríamos.

Segundo a filosofia oriental, o primeiro passo para viver em harmonia e equilíbrio com o mundo é encontrar o próprio equilíbrio e harmonia. Direcionando nosso olhar para a sabedoria dos antigos, reaprendendo a respirar e a comer, a “ouvir” nossa intuição, reconhecendo os erros e aceitando que existe o momento de empreender mas há o momento de ser paciente e esperar.

Tendo coragem de mudar e perseverança para manter essa mudança, é possível que reconheçam e adotem pouco a pouco o exemplo de fazer a diferença na busca do equilíbrio e harmonia.

4- FAZER EXERCÍCIOS FÍSICOS E ALONGAMENTOS NA MEDIDA CERTA

O HUANG DI NEI JING, conhecido como o Clássico de Medicina do Imperador Amarelo (importante compilação e mais antigo livro de medicina que se tem notícia), já registrava que no passado as pessoas praticavam o Tao (“O Caminho da Vida”), combinando alongamentos, massagem e respiração para promover o fluxo de energia e viviam 100 anos.

Vida saudável tem a ver com moderação. Pela MTC,não é indicado passar dias, meses e até anos sem fazer o mínimo esforço em se mexer. Muito menos deve-se castigar o corpo com rotinas rigorosas de exercícios e levantamentos de pesos. Recomenda-se práticas suaves e regulares.

Na china, o dia-a-dia de muitos começa com atividades matinais como por exemplo o Tai-chi-chuan (misto de dança e alongamento) que conserva o corpo e a mente em forma. Muitas artes marciais orientais baseiam-se no Qi Gong (ou Ti Kung) que ensina maneiras de se movimentar e respirar para ajudar a energia vital.

Para adotar uma atividade física é preciso experimentar e se identificar com aquela que traga conforto e bem-estar. Talvez seja preciso modificar horários, ter bastante força de vontade ou “vencer” a preguiça nos dias chuvosos. Mas vai valer a pena pelo menos tentar fazer da prática física uma parte do seu dia para revigorar sua energia até torná-la um item indispensável em sua vida.

5- DORMIR BEM

O dia corresponde ao YANG, ao movimento. A noite relaciona-se ao YIN, ao repouso. Durante o dia trabalhamos, estudamos realizamos nossas atividades, estamos ativos.

Quando chega a noite descansamos e dormimos. Pelo menos é o que deveríamos fazer. No entanto cada vez mais as pessoas (e até crianças) estendem suas atividades por noite a dentro sem horário regular para dormir. No período da noite é que nossa energia vai sendo restaurada e vitalizada para estar em fluxo constante e adequado, proporcionando crescimento, desenvolvimento, purificação e fortalecimento.

O tempo necessário de sono varia para cada pessoa e também com a idade, mas todos nós precisamos dele. A curto prazo, os efeitos da sua privação podem ser ignorados. Porém, os sinais de um estilo desrregrado de vida surgirão e o corpo inevitavelmente irá “reclamar”.

Ser saudável envolve um conjunto de atitudes e de hábitos. Não adianta alimentar-se adequadamente e praticar exercícios físicos se depois a pessoa fuma, trabalha demais e está sempre irritada. É preciso ser coerente. Portanto procure adaptar seus horários dando ao corpo e à mente o que eles necessitam e durma bem!

6- TER LAZER

Sem o ar que respiramos não viveríamos. A alimentação é indispensável à vida. E o trabalho dá sentido à existência. Contudo, o ritmo de vida e as condições sócio-econômicas muitas vezes colocam para o fim da fila algo que todos também precisamos, o lazer. As merecidas férias após um longo período de trabalho, momentos de prazer com a família ou curtir um hobby sem culpa nem sempre é possível.

Nunca em outra época houve tanto estresse, isolamento social e distúrbios mentais. Na visão da MTC, é normal sentir emoções como tristeza, raiva, preocupação e medo como reação aos acontecimentos, assim como sentimos alegria. Entretanto, a partir do momento que tornam-se excessivos passam a ser considerados prejudiciais e causadores de doenças já que deixam de ser uma reação natural ao que acontece e passam a ser sentimentos constantes e desgastantes.

Aprendendo a lidar com as emoções, podemos reagir de forma mais positiva com os acontecimentos (o que não implica em resignar-se). Permita-se momentos de convívio e lazer e amplie sua capacidade de cultivar uma vida melhor.

7- PROTEGER-SE DOS FATORES CLIMÁTICOS

Na visão da MTC, o clima é a mais importante fonte externa (ambiental) de desequilíbrios energéticos e doenças. Os seis fenômenos climáticos básicos são: vento, frio, calor, umidade, secura e calor de verão. Suas oscilações dentro de limites moderados são consideradas normais e naturais.

De modo geral, se o corpo está saudável e forte, o YIN e o YANG estão equilibrados e a energia é suficiente, o corpo não é afetado pelas variações climáticas, a menos que sejam extremas e prolongadas. Se entretanto, o corpo estiver enfraquecido e sem defesas, os fatores climáticos podem tornar-se lesivos.

Os antigos observavam a natureza, conheciam seus ciclos e alterações. Com a modernização perdeu-se a capacidade de reconhecer esses fenômenos. Muitas vezes ignora-se a importância de se proteger dos fatores climáticos por falta de conhecimento, por desconsiderar conselhos (quase sempre vindo dos mais velhos) ou por força de circunstâncias como o tipo de trabalho ou local de moradia.

Usamos roupas inadequadas, ficamos expostos muito tempo ao frio, calor ou vento, moramos em locais úmidos... Nem sempre é possível modificar uma condição como o emprego ou residência. Mas se, por exemplo, no trabalho exige uma exposição prolongada ao calor e a roupa fica suada e molhada, ter uma muda extra para troca já ajuda. Quase sempre uma adaptação pode ser feita.

Busque informação, procure orientação, tenha bom senso e fortaleça sua força de vontade. Adote gestos simples mas que protegem.

8- DIZER NÃO ÀS DROGAS

Os motivos e os meios pelos quais alguém começa e continua a usar drogas é um capítulo a parte.

Todos sabem, porém, dos efeitos profundos e duradores na mente, nas emoções e no corpo físico de quem as usa. E não difere muito desse caso também o uso indevido e impróprio de medicamentos ou ervas medicinais ou até do cigarro. A dependência e os males por eles causados são graves e dificilmente revertidos. Independentemente do tipo, da freqüência e do objetivo do uso, afetam a saúde não somente do usuário como ainda da família e de pessoas próximas.

Deixar que as drogas façam parte da sua vida não condiz com uma conduta saudável. Se for preciso, peça ajuda. Conquiste o poder de dizer não às drogas.

9- GOSTAR DO SEU TRABALHO E RESPEITAR SEUS LIMITES

Durante o período da pré-história o homem habitava onde houvesse alimentos, água e onde as condições climáticas fossem favoráveis à sua sobrevivência. Ele seguia seus instintos e suas atividades estavam diretamente relacionadas à obtenção de alimentos seja como caçador, coletor ou, mais tarde, criador e agricultor. Pode-se dizer que até os dias de hoje, com uma parcela mínima de exceção, continuamos a exercer o trabalho para sobreviver.

Mesmo sabendo que todas as atividades possuem sua parcela de contribuição para o funcionamento da sociedade e evolução da humanidade, é preciso reconhecer que poucos conseguem obter satisfação em todos os aspectos (pessoal, profissional e financeiro) ou até mesmo em um deles.

Muitos são a única fonte de renda da família ou complementam essa renda, alguns por escolha errada de profissão ou falta de capacidade para outra colocação... Outros ainda encaram o trabalho como verdadeira maratona e trabalham durante muitas horas chegando a “levar” o trabalho para casa. Sobrecarga física e mental, insatisfação e sensação de impotência surgem e podem acumular-se e tornar-se um estado permanente e fazer adoecer. Se puder mudar de emprego ou profissão, mude. Se não puder, tente adotar uma atitude mais positiva. Se trabalha demais, reconheça a hora de parar. Não é fácil, mas pelo menos tente.

Quando prestamos atenção aos sinais vindos do corpo (mesmo que sutis) e às suas necessidades, reconhecemos nossos limites e limitações e aprendemos a respeitar nossa própria natureza. E isso, sim, traz felicidade e bem-estar.

10- CONECTAR-SE COM O UNIVERSO

Nossas crenças, condutas e costumes muitas vezes nos tornam incapazes de usufruir plenamente as nossas próprias vidas. Ficamos perdidos entre o passado e o futuro. Presos ao comportamento que, um dia, nos ensinaram e ao que os outros irão pensar de nós. Há momentos em que parece estarmos num ritmo tão frenético que duvidamos suportar.

No entanto, a vida pode ser muito melhor do que imaginamos.

Deixar velhos hábitos, fazer escolhas sábias e estar aberto a fazer pequenas mudanças são os passos de um caminho mais simples, natural e saudável de viver.

O Homem é o elo entre o Céu e a Terra. É a conexão com o fluxo constante e infinito de energia que é o Universo. E a vida saudável do Universo depende em primeiro lugar da vida saudável de cada um de nós.


Amor, Luz e Paz

Os medos que nos bloqueiam




Os nossos maiores medos:

Medo da mudança; 
 Medo de perderes o controlo;
 Medo de arriscar;
 Medo da Insegurança;
 Medo da Incerteza;
 Medo da provação material;

 Medo de avançar e encarar o futuro.

O nosso perfeccionismo, o excesso de controlo e de auto-controlo, e o medo de errar criam em nós uma necessidade de sermos mais flexíveis, tolerantes e menos rígidos connosco próprios.

Devemos procurar perdoar-nos e libertarmo-nos desse peso que carregamos, muitas vezes, sobre acontecimentos sobre os quais não tivemos a mínima responsabilidade, ou sobre os quais agimos de acordo com a nossa conciência da altura.

Neste momento é muito importante que afirmemos a nossa Verdade, que siguemos a Vontade da nossa Essência, que acreditemos em nós e em todo o nosso potencial, que não nos auto-limitemos, que não resistemos mais, que respeitemos aquilo que sentimos,procurando ser mais assertivos e procurando expressar mais livremente as nossas emoções e opiniões.

Todos nós estamos "condenados" a evoluir, pela dor ou pela consciência (percebendo os sinais da vida, percebendo o que a vida nos pede e fluindo com ela - ao sentirmos os ventos da mudança, não devemos esperar a tempestade...).

Mas na verdade, acabamos sempre por evoluir, com mais ou menos perda, com mais ou menos sofrimento...

Outra coisa que é necessário termos consciência, é que nesta experiência da matéria, na experiência da dualidade, o coração vai doer-nos muitas vezes, vamos magoar-nos e tudo isso é positivo.

Isto é a dor / a tristeza é alquímica. Significa que estamos em contacto com as nossas emoções, só precisamos de deixar de fugir delas (tal como não fugimos da alegria), percebermos qual a sua origem e chorá-la...

Ao nos conectarmos profundamente com as nossas emoções (boas e menos agradáveis), vamos tornando-nos seres mais emotivos e passamos a vibrar em consonância com a nossa Essência e com a nossa Alma.

Quanto menos resistirmos a sentir, mais as emoções "densas" deixam de ter controlo sobre nós e sobre as nossas decisões.

O segredo está em deixarmos de criar expectativas em relação aos outros. 

Isto é: há pessoas que nos são chegadas, de quem gostamos ou que sentimos determinada afinidade.
Mas pensemos assim: tal como nenhum de nós é perfeito, conhecemos as nossas limitações e sabemos que podemos errar a qualquer momento, os outros também, por mais que gostemos deles.

Devemos perguntar-nos o que nos levou muitas vezes a "servir" e "dar algo" aos outros. 

Isto é: claro que foi com boa intenção e porque gostamos deles.
Mas devemos ir mais longe: Muitas vezes nas nossas vidas fomos prestáveis e solícitos, querendo agradar os outros, porque transportamos uma grande ferida de rejeição (que esconde uma grande culpa).

A culpa (muitas vezes inconsciente e kármica) faz com que tenhamos dificuldade em gostar de nós porque não nos perdoamos, então precisamos que os outros nos aceitem, na ilusão de que se assim for, iremos finalmente gostar de nós...

Quando somos muito solícitos, agradáveis e prestáveis, muitas vezes estamos inconscientemente a pedir aquelas pessoas que nos perdoem (muitas vezes de actos kármicos de vidas anteriores, dos quais não temos consciência), e pensamos que se assim agirmos, nunca iremos ser rejeitados por aquela(s) pessoa(s).

O problema está quando o fazemos e depositamos expectativas no retorno por parte dessas mesmas pessoas...
Acabamos por nos desiludir com essas pessoas, porque geralmente a pessoa não corresponde tal como esperávamos, e muitas vezes, mais cedo ou mais tarde acaba por nos rejeitar, e se focarmos focados no exterior, vamos ficar a achar que essa pessoa foi uma ingrata.

A resposta está no móbil da acção: isto é: perguntemos a nós próprios o que nos levou a "servir" essas pessoas.

Fizemos só porque sim, porque sentimos vontade, independentemente do retorno, ou muitas vezes, mesmo sem vontade, "servimos", só pelo medo do que podesse acontecer se não o fizessemos (por ex: sermos rejeitados por essas pessoas).

Todos nós aprendemos estas lição e a resposta é: façam apenas aquilo que sintam vontade e que considerem justo, e que é da vossa responsabilidade.
Se não têm vontade, nem é da vossa responsabilidade, ousem ser quem são, e dizer não, insistam, e vão ver como é libertador.

No fundo essas pessoas estão (mesmo que inconscientemente) a servir de espelhos para nós, para que ganhemos consciência da nossa ferida de rejeição, para que a possamod ir trabalhando.
Tudo aquilo que atraímos do exterior e que nos magoa, corresponde à crença que temos sobre nós próprios .

Somos nós que não nos perdoamos, somos nós que nos rejeitamos, somos nós que não nos achamos merecedores.

Quando começarmos a empenhar-nos verdadeiramente no nosso processo e tomarmos consciência dos seres absolutamente luminosos que somos, começaremos a gostar mais de nós próprios, a nos valorizar, a não tolerar mais certas frases, nem comportamentos dos outros para connosco, essa luz vai começar a emanar para o exterior, os outros vão começar a respeitar-nos mais e vamos também atraindo cada vez um maior número de pessoas que nos respeitam e nos compreendem.

Abraços Fraternais

quarta-feira, 11 de outubro de 2017

O que são Chakras


Sinonimos: 
chacras, vórtices, centros vitais, centros energéticos, anais energéticos, centros de força, discos energéticos, cones energéticos, padmas, transdutores de energias, etc.

Origem: 
a palavra Chakra vem do sânscrito e significa roda, disco, centro, plexo. Nesta forma eles são percebidos por videntes como vórtices (redemoinhos) de Energia Vital, espirais girando em alta velocidade, vibrando em pontos vitais de nosso corpo. São pontos de intersecção entre vários planos e através deles nosso corpo etérico se manifesta mais intensamente no corpo físico.

São Centros Energéticos existente no corpo etérico de um ser vivo, esses centros transportam e manipulam correntes eletromagnéticas ou etéricas (Energia Vital – Prana) que se manifestam por meio no plano etérico.

Chakras são, segundo a filosofia Yoga, dentro do corpo humano existem canais (nadis) por onde circula a Energia Vital (prana) que nutre órgãos e sistemas.

Natureza: 
os Chakras são de natureza etérica, mas existem os Chakras astrais e os Chakras do corpo Mental.

A natureza ambiental no qual os Chakras se manifestam, deve ser plenamente entendida, é preciso entender que o homem é um complexo de processos indispensáveis que atuam um sobre o outro. Nenhuma experiência física deixa de ser acompanhada por uma reação emocional, por uma interpretação mental.

Fraternos Abraços